Picomano e a trip para o Nordeste

Picomano em um dos picos tradicionais de Fortaleza - Praia de Iracema (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano em um dos picos tradicionais de Fortaleza – Praia de Iracema (Foto: Arquivo pessoal)

Tiago Picomano está sempre no corre, de cidade em cidade, filmando, fotografando e participando de vários eventos. Na Europa ele já competiu e passou uma temporada. No Brasil conheceu vários picos das regiões Sul e Sudeste. Por isso entre os meses de junho e julho Picomano decidiu fazer uma viagem diferente. Desta vez a parada foi o Nordeste brasileiro, viagem inédita para o amador. Pistas, picos de rua, praias e a cultura nordestina, ele conheceu de tudo um pouco, primeiro no Ceará e depois no Piauí. Confira a entrevista e saiba tudo o que rolou.

Picomano conta aí como surgiu a ideia de fazer essa viagem para o Nordeste.

Surgiu a partir do meu amigo Anderson Resende, que mora em Fortaleza. Nos conhecemos no Rio de Janeiro durante o Oi STU Open no início do ano. E a partir disso começamos a trocar ideia e surgiu a trip. Foi minha primeira viagem para o Nordeste. Muito da hora!

Picomano e o amigo Anderson Resende (Foto: Tiago Picomano)

Picomano e o amigo Anderson Resende (Foto: Tiago Picomano)

Acabou que sua viagem coincidiu com alguns eventos por lá. Você já sabia que ia rolar ou foi meio surpresa?

Quando organizei a viagem, vi que teriam alguns campeonatos. Aí conseguiria, tanto andar de skate nos picos, como participar desses eventos. Assim que eu cheguei fomos para a cidade de Amontada, o primeiro campeonato que eu participei lá. Foi bem legal porque tinha uma galera de lá e de outras regiões também. Apesar da chuva foi bem divertido. No dia seguinte voltamos para Fortaleza e participei de outro evento  realizado na beira da praia. Foi um nível de skate muito alto. Eu ganhei o primeiro campeonato e nesse último fiquei em terceiro. Foi bem da hora!

Amador aproveitou para participar de vários eventos (Foto: Arquivo pessoal)

Amador aproveitou para participar de vários eventos (Foto: Arquivo pessoal)

Tem algum pico que você curtiu muito andar?

Então, nós organizamos uma trip para Paracuru, que fica uns 120 km de Fortaleza. E fomos na praça do Forte, como é conhecido o lugar. Fica em frente a um Farol, daqueles que sinaliza os barcos. Sem dúvida esse foi o pico que eu mais gostei de andar. Porque além da praia tem várias possibilidades. Acho que foi a sessão mais pesada de skate que eu fiz lá. Até peguei onda hueheu. Aluguei uma prancha de longboard pra surfar.

Além de skate Picomano aproveitou para surfar (Foto: Arquivo pessoal)

Além de skate Picomano aproveitou para surfar (Foto: Arquivo pessoal)

E quais foram os outros picos?

Conheci vários picos tradicionais de Fortaleza. Um deles é o que fica na Praia de Iracema, muito foda. Também fomos em várias praças que os skatistas locais andam. Foi da hora porque sempre tinha uma galera. Inclusive o Lucas da pesada, que é um moleque que foi com a gente e que tem um nível de skate muito bom, estava sempre na sessão. Ele que me filmava e foi muito legal. E os picos são legais e bonitos por causa do visual da praia.

Sessão nos picos do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

Sessão nos picos do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

E a ida para o Piauí. Como rolou?

Teve um evento no final de semana e vi um cartaz informando que teria um campeonato em Parnaíba – PI.  E como ainda não tinha passagem de volta para BH, decidi ir com o pessoal. A viagem em si foi cansativa, pois foram umas oito horas. Mas foi legal porque conheci o pessoal e a galera também curtiu eu ter ido. E essas surpresas que o skate te proporciona são muito boas, porque você não tem um plano do que vai fazer, as coisas acontecem.

E a cena do skate nordestino, o que mais te chamou atenção?

Achei o nível de skate muito alto, de uns skatistas que eu nunca vi e os caras andam muito. E isso me chamou atenção. Eles têm uma garra, uma força de vontade muito grande que, às vezes, a galera do Sudeste está limitada ao estilo, a aparência do skate. E lá a galera simplesmente faz skate, querem manobrar e puxar o nível, sem se importar com o que vai fazer. E foi uma parada que eu gostei bastante, porque tudo isso você acaba absorvendo. Você enxerga que pode fazer mais. Às vezes você está um pouco acomodado e isso é bom. Cada viagem traz uma parada pra você e isso me chamou atenção. A galera é raçuda mesmo, vai pra cima.

Picomano nos picos de rua (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano nos picos de rua (Foto: Arquivo pessoal)

E o que mais você curtiu na viagem?

Pra mim foi muito especial porque além do skate, eu conheci as praias do Nordeste que são fantásticas. Nas praias do Sudeste a água é muito fria e as do Nordeste sãos quentinhas, muito da hora hueheuhue. Ia na praia todo o dia. Foi uma das coisas que eu mais gostei, porque o litoral é muito diferente. Outra coisa são as pessoas. Todo mundo me acolheu de uma forma muito boa e você enxergava a sinceridade delas. Que realmente estavam felizes que você estava lá. Todo mundo que eu convivi foi muito hospitaleiro e me acolheu muito bem.

Picomano e a galera (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano e a galera (Foto: Arquivo pessoal)

Agradecimentos

Agradeço a Deus por me dar saúde para poder viver momentos felizes como estes. Também aos meus patrocinadores, a QIX por me fornecer as condições para poder viver tudo isso e ao Nordeste, que me acolheu de uma forma muito receptiva. Principalmente o Anderson Resende, Herbenia Costtah e sua filhinha, Carlos Lucas da Pesada, Ardiles Dilin, Humberto Farias, Karol Lima, Gleysom Resende e toda galera que esteve nas sessões. Muito skateboard e ótimas risadas!!!

Confira mais imagens da passagem do Picomano pelo Ceará e Piauí. Confira abaixo o vídeo da trip.

Picomano e a galera (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano e a galera (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano nos eventos (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano nos eventos (Foto: Arquivo pessoal)

Sessão de rua (Foto: Arquivo pessoal)

Sessão de rua (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano aproveitando as maravilhas do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano aproveitando as maravilhas do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

Típico da terra (Foto: Arquivo pessoal)

Típico da terra (Foto: Arquivo pessoal)

Campeonato na Beira Mar de Fortaleza (Foto: Arquivo pessoal)

Campeonato na Beira Mar de Fortaleza (Foto: Arquivo pessoal)

Rolê de skate (Foto: Arquivo pessoal)

Rolê de skate (Foto: Arquivo pessoal)

Rolê de skate (Foto: Arquivo pessoal)

Rolê de skate (Foto: Arquivo pessoal)

Passeio cultural (Foto: Arquivo pessoal)

Passeio cultural (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano e Felipe Maluquinho (Foto: Arquivo pessoal)

Picomano e Felipe Maluquinho (Foto: Arquivo pessoal)

Um das maravilhas do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

Um das maravilhas do Nordeste (Foto: Arquivo pessoal)

Assine nossa newsletter para receber notícias sobre eventos, vídeos, equipe e tudo sobre as ações da QIX International.